Abordagem baseada em ecossistemas para o profissional de gerenciamento
Cagaayan de Oro City, Filipinas

Hilly Ann Maria Roa Quiaoit é uma conservacionista convicta, defensora do meio ambiente e professora, conhecida internacionalmente como a “mãe dos mariscos gigantes”. Está atualmente provendo consultoria autônoma e realizando trabalhos independentes de pesquisa e desenvolvimento sobre a abordagem baseada em ecossistemas para restauração e abordagem multissetorial para governança ambiental.

Seus esforços em cultivar, produzir e semear amêijoas em todo o território filipino impediram a extinção desses organismos. Até o momento o recrutamento natural desses gigantes de conchas ameaçados de extinção tem sido bem-sucedido. Trabalhando para o Centro de Ecologia Tropical na Alemanha, ela realizou pesquisas científicas sobre a ecologia, reprodução e potencial de produção em massa de amêijoas gigantes do Mar Vermelho. Ela também fez contribuições significativas para a biodiversidade global com a descoberta de novas espécies de moluscos gigantes (Tridacna costata Roa-Quiaoit et al, 2008, Tridacnidae) encontradas até agora apenas no Mar Vermelho. Em 2007 foi premiada como uma das “Outstanding Women in the Nation’s Service -TOWNS” (Mulheres Excepcionais a Serviço da Nação) pelo Presidente das Filipinas por sua contribuição exemplar para a conservação ambiental

Ela se formou em Biologia Marinha pela Universidad Xavier em 1989 e na década seguinte trabalhou como assistente de pesquisa no mundialmente conhecido U.P. Marine Science Institute, dedicando sua vida à conservação, preservação e reabilitação do meio ambiente marinho. Depois de obter um Doutorado em Ciências Naturais (Dr. Rerum Naturalium), Magna Cum Laude da Universidade de Bremen, na Alemanha, em 2005, ela voltou para a Universidad Xavier. Tornou-se Vice-presidente de Pesquisa e Extensão Social (2005), um cluster inovador na universidade que unia pesquisa e extensão para o trabalho com um maior engajamento da sociedade. Montou uma equipe de pesquisa multidisciplinar que se concentra na paisagem marítima integrada no norte de Mindanao. Fundou a aliança de 14 unidades do governo local para a gestão costeira integrada em toda a baía, a Macajalar Bay Development Alliance. Em 2018, ela ganhou outro prêmio nacional, “The Outstanding Filipino (TOFil) in Environment”.